sábado, 22 de julho de 2017

Jesus não Salvou Cristãos Devotos - 60 Mil Mortos no Terremoto de Lisboa de 1755 - Dia de todos os Santos

Você Sabe o que é “O Salto Quântico Genético”? [Clique Aqui]

Jesus, o “Salvador” deixou seus devotos morrerem esmagados, queimados e afogados:

Na ocasião mais de 60 mil pessoas morreram, muitas estavam dentro das Igrejas que desabaram sob a cabeça delas, (morreram esmagados) cristãos estavam participando de Missas em comemoração ao "Dia de Todos os Santos", por terem acendido muitas velas incêndios catastróficos tomaram conta de toda a cidade, (milhares morreram queimados) para completar, tsunamis ocorreram matando assim os sobreviventes que tinham se refugiado nas praias. A cidade cristã de Lisboa foi devastada, 75% de todos os prédios da cidade desabaram... Perante o desastre, religiosos cristãos aproveitaram para imputar ao povo a culpa pelo Terremoto/Maremoto, “Deus” tinha ficado bravo por que o povo era “pecador”(??) Lisboa era a “Sodoma e Gomorra” moderna... (??!!!). Depois de toda a falácia esses fanáticos/esquizofrênicos católicos foram expulsos de Portugal pelo Marquês de Pombal, um homem de ciência, ele não era religioso. E Jesus? Onde estava o alegado “salvador” nessas horas? Deixou seus sinceros Devotos morrerem esmagados, incinerados e afogados? Que 'Salvador' é esse? O Salvador que não salva ninguém... nem a si mesmo salvou!

Página Recomendada: Top 23 Razões para você não acreditar em Jesus Cristo - Jesus Cristo nunca existiu e a Bíblia e um Livro de Contos de Fadas: http://seteantigoshepta.blogspot.com.br/2017/04/top-20-razoes-para-voce-nao-acreditar.html

Documentário Completo,Terremoto de Lisboa 1755:

Terremoto de Lisboa de 1755 fez Voltaire o filósofo iluminista francês se Radicalizar de Vez

Jesus Cristo Deixou a Desgraça Acontecer, o ‘Salvador’ que não salva ninguém...


Bruno Guerreiro de Moraes, apenas alguém que faz um esforço extraordinariamente obstinado para pensar com clareza...

Tags: Jesus, não Salvou, Cristãos, devotos, 60 mil Mortos, no Terremoto, de Lisboa, de 1755, Dia de todos, os Santos, Completo, Jesus não Salvou Cristãos, jesus cristo, igreja, católica,  terremoto, Portugal,  60 mil Mortos, Terremoto de Lisboa, de 1755,Dia de todos, os Santos, bíblia, religião, cristianismo, padres, jesuítas, religiosos,Marquês de Pombal, e Conde de Oeiras, Sebastião, José de Carvalho, e Melo,

4 comentários:

Anônimo disse...

Note bem: houve um fenômeno natural naquela data e que acarretou a destruição daquela Cidade. Um acontecimento fortuito; mas de implicações severas na vida daquelas pessoas que habitavam Lisboa. Naquele dia, poderia ter ocorrido qualquer fenômeno natural (chuva, ventanias, calor escaldante, etc), mas houve um terremoto. E as pessoas logo começaram a cair na real. Pelo menos, nas suas próprias realidades, mesmo que distorcidas e alienadas. Alguns (a maioria) começaram a especular que a desgraça deveu-se porque o povo era pecador e Deus as estaria castigando. Em suas crendices esquizofrênicas, Deus castiga os humanos. Quantos, porém, foram capazes de despertar para a sua própria condição ignorante ? Talvez, ninguém.
Completamente ensandecidos pelas idéias religiosas, não havia praticamente ninguém ali para questionar aqueles valores retrógrados e primitivos. E mesmo.que houvesse alguém suficientemente capaz de discernir, pelos acontecimentos, que algo estava muito errado em suas crenças, esse alguém logo seria amaldiçoado, excomungado e queimado na fogueira.
Então, tal indivíduo (se houve algum) preferiu deixar os fanáticos continuarem com suas loucuras psicóticas ao invés de explicar-lhes que se Jesus e os santos da igreja não fizeram coisa nenhuma pra proteger aqueles pobres miseráveis, deixando-os morrer e ver a sua Cidade transformar-se em ruínas, é porque só havia duas explicações : ou esse Jesus era um sádico mentiroso, inútil e insensível, ou então essa conversa toda que a igreja pregava não passava de puro fake. Pecado, Jesus, castigo divino, etc eram as palavras de ordem naquela época primitiva. Quem questionasse essas verdades era logo taxado de adorador do Demônio, satanista, bruxo, herege, maluco e a sua vida correria sério risco de não valer mais nada.
Quem foi capaz de analisar os fatos e libertar-se das loucuras reinantes deve ter pensado também : "Então fodam-se !"

Anônimo disse...

Bruno fala da série The Leftovers da HBO mostra bem como a humanidade pira com eventos imprevistos e entra no misticismo para tentar explicar as coisas. É uma série rápida. 3 temporadas, 28 episódios.

Anônimo disse...

Os portugueses são um dos povos mais fanáticos por santos e todas aquelas idolatrias perpetradas pela religião católico-cristã. Evidentemente, trouxeram os seus maus costumes para a Terra Brasilis e o Brasil se tornou o que vemos hoje em dia. Um antro onde o que não falta são lugares e ruas com nome de "santos" e feriados pra comemorar essas bobagens. São Paulo, Santa Catarina, feriado de Corpus Christi, de Nsa. Sra. da Aparecida e blablabla, são alguns exemplos da maluquice. Reinando sobre todo esse circo de horrores, está uma figura que nem mesmo existiu : o excelentíssimo sr. filho de Deus Todo Poderoso, Jesus de Nazaré!
Lembro que, quando era criança, eu era obrigado a participar de procissões lá em Belo Horizonte, onde fui morar por um tempo na casa da minha avó. Eu nunca tinha visto aquilo antes e pensei que estivesse ficando louco pois não conseguia entender porque um mar de pessoas ficavam andando em fila atrás de imagens. E eram filas e mais filas. Ou seja, inúmeras procissões. Um costume bizarro e sem nenhum sentido. Gente chorando emocionadas e querendo beijar fitas que se amarravam naquelas imagens de figuras cheias de sofrimento na cara e que todos diziam ser santos. Verdadeiro hospício coletivo.
Aliás, ali em BH tá cheio de lugares com nome de santo.
Pra completar o cenário carnavalesco, tive que aprender a rezar o pai-nosso. Felizmente, esqueci a porra toda! Mas tudo isso só mostra a furada em que estamos metidos por conta da colonização portuguesa.

Felipe Dorn Alves disse...

O que a história afirma sobre o cristianismo primitivo:
https://globoplay.globo.com/v/1570076/

GoogleAnalytics

O que Está Acontecendo?

- “Lamento, eu lamento muito... mas a maior revelação que o ‘Salto’ trás não é consolador, mas sim perturbador. O Mundo em que estamos é um campo de concentração para extermino de uma Super Potencia do Universo Local”. (Bruno Guerreiro de Moraes)